A Colonização na America foi um processo dual: Inferioridade de Raça e subordinação de Gênero!

A filósofa  e feminista argentina Maria Lugones em seu artigo “Colonialidad y Género : hacia un feminismo descolial”( 1 )nos faz refletir sobre o conceito de “colonialidade de poder” de Quijano ( 2 )  e resignifica o  o seu conceito de  colonialidade de gênero.  “O eurocentrismo não é exclusivamente, portanto, a perspectiva cognitiva dos europeus, ou…