Sexto e sétimo encontros da Roda de Conversa “As Epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

As atividades do segundo semestre de 2021 do Laboratório Interdisciplinar de Estudos de Gênero continuam! A nossa ação de extensão “As epistemologias do Sul e a Violência de Gênero: Queixas,…
Ler mais
Sexto e sétimo encontros da Roda de Conversa “As Epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

Sara Ahmed – quinto encontro da Roda de Conversa “As Epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

As atividades do segundo semestre de 2021 do Laboratório Interdisciplinar de Estudos de Gênero continuam! A nossa ação de extensão “As epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas,…
Ler mais
Sara Ahmed – quinto encontro da Roda de Conversa “As Epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

Quarto encontro da Roda de Conversa “As Epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

As atividades do segundo semestre de 2021 do Laboratório Interdisciplinar de Estudos de Gênero continuam! A nossa ação de extensão “As epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas,…
Ler mais
Quarto encontro da Roda de Conversa “As Epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

Terceiro encontro da Roda de Conversa “As epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

As atividades do segundo semestre de 2021 do Laboratório Interdisciplinar de Estudos de Gênero continuam! A nossa ação de extensão “As epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas,…
Ler mais
Terceiro encontro da Roda de Conversa “As epistemologias do sul e a Violência de Gênero: Queixas, Reclamações – uma Pedagogia Feminista?”

Fórum Permanente sobre Diversidade, Equidade e Direitos Humanos na Universidade

Universidade e os novos desafios: Violência e Assédio No próximo dia 20/10, às 17h, a Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” promoverá o Fórum Permanente sobre Diversidade, Equidade e…
Ler mais
Fórum Permanente sobre Diversidade, Equidade e Direitos Humanos na Universidade

Apresentação

O Laboratório Interdisciplinar de Estudos de Gênero, ligado à UNESP-Marília, é de natureza multidisciplinar. Seu objetivo fundamental são os estudos de gênero como uma construção social e cultural das representações masculinas e femininas. Prioriza análises que desnaturalizam as distinções baseadas no sexo que ainda justificam a diferença de papeis sociais e encobrem as assimetrias e a hierarquia nas relações entre homens e mulheres na sociedade como relações de poder. Com isso pretendemos estar atentos às distintas tramas sociais e do cotidiano onde interagem os poderes e contra poderes questionando o binômio simplista de dominação/subordinação para a apreensão e compreensão das complexidades existentes nas relações de gênero, na inserção das mulheres na história, nas experiências vividas em diferentes contextos históricos.

Atividades

O LIEG atua em três frentes para o fortalecimento dos estudos de gênero no Brasil: ensino, pesquisa e extensão. Longe serem campos separados, as nossas atividades, por vezes, são um todo, em que essas frentes se entrelaçam.

Mantemos um cronograma de reuniões com a proposta de discussão de textos que abordem as novas topografias teóricas feministas e dos estudos de gênero revisitado pela  interseccionalidade. Caso tenha interesse em participar, entre em contato.

Produções

Os trabalhos feitos pelos membros do LIEG estão disponíveis em diferentes mídias e formatos, em grande parte em livre-acesso. Mais recentemente, os membros do LIEG tem participado frequentemente de lives com diferentes grupos de pesquisa, afim de debater os mais diferentes temas ligados às linhas de pesquisa do laboratório.

Equipe

O LIEG é uma rede de pesquisadores composta por pessoas de diferentes insituições do Brasil e do exterior, em diferentes estágios de formação ou atuação: estudantes de graduação e pós-graduação, professores do ensino básico e universitário e pesquisadores independentes.