Debates  sobre a historia do tempo presente” tem reunido uma nova geração de historiadores que diverge da linha clássica de que ao historiador  cabe dedicar-se ao passado,
na contra mão dessa perspectiva, reforço que estamos situando a historia como a ciência do homem (  mulheres e demais minorias) no tempo.
Na França o Instituto de Historia do Tempo Presente /IHTP criado em 1978 vem apontando  para novos alvos  e discussões disciplinares e politicas, inclusive com a inclusão de  fontes documentais midiáticas; O momento  de crise político do país  tem provocado os historiadores a explicar justamente esse presente.

Acesse matéria do Folha de São Paulo: